Página Inicial » Pratique o Islam » Crença Islâmica » O Papel da Misericórdia na Crença Islâmica

O Papel da Misericórdia na Crença Islâmica

Em nome de Allah, o Clemente, o Misericordioso

O Islam nos ensina a ser misericordiosos com toda a criação, com muçulmanos e não muçulmanos, com amigos e inimigos e até com os animais. Misericórdia (Rahma) no Islam tem um significado muito amplo que inclui bondade, compaixão, amor, tolerância, paciência com as pessoas e tratar os outros da maneira que gostaríamos de sermos tratados. Esse valor islâmico está no centro da mensagem profética e do significado da fé, assim como era em todas as religiões reveladas antes do Islam. Todo muçulmano precisa se esforçar para ser um agente de misericórdia na terra para com todas as criaturas.

Allah disse:

وَمَا أَرْسَلْنَاكَ إِلَّا رَحْمَةً لِّلْعَالَمِينَ

Nós não o enviamos (Ó Muhammad), exceto como misericórdia aos mundos. (21:107)

E Allah disse:

ثُمَّ كَانَ مِنَ الَّذِينَ آمَنُوا وَتَوَاصَوْا بِالصَّبْرِ وَتَوَاصَوْا بِالْمَرْحَمَةِ

Então ele estava entre aqueles que tinham fé e se aconselharam a ter paciência e se aconselharam a ter misericórdia. (90:17)

Abu Salih relatou: O Mensageiro de Allah, ﷺ, abordaria as pessoas dizendo:

يَا أَيُّهَا النَّاسُ إِنَّمَا أَنَا رَحْمَةٌ مُهْدَاةٌ

Ó povo, sou apenas uma misericórdia e um guia.

Fonte: Sunan al Darimi – 490

Allah quer que a misericórdia do Islam toque todas as pessoas na terra. Não é como alguns afirmam, que o Islam é misericordioso apenas com os muçulmanos. Pelo contrário, o Islam nos ensina a ser misericordiosos com o mundo inteiro e com todos que estão nele.

Abdullah ibn Amr relatou: O Mensageiro de Allah, ﷺ, disse:

الرَّاحِمُونَ يَرْحَمُهُمْ الرَّحْمَنُ ارْحَمُوا مَنْ فِي الْأَرْضِ يَرْحَمْكُمْ مَنْ فِي السَّمَاءِ

Aqueles que são misericordiosos obterão a misericórdia do Misericordioso. Seja misericordioso com os que estão na terra e Aquele que está acima dos céus terá misericórdia de você.

Fonte: Sunan al Tirmidhi – 1924

Abu Musa Al Ashari relatou: O Mensageiro de Allah, ﷺ, disse:

لَنْ تُؤْمِنُوا حَتَّى تَحَابُوا أَفَلا أَدُلُّكُمْ عَلَى مَا تَحَابُونَ عَلَيْهِ

Vocês nunca serão verdadeiramente crentes, até que amem uns aos outros. Devo lhes dizer o que fará vocês se amarem?

Eles disseram: “Claro, ó Mensageiro de Allah.” Então o Profeta disse:

أَفْشُوا السَّلامَ بَيْنِكُمْ فَوَالَّذِي نَفْسِي بِيَدِهِ لا تَدْخُلُونَ الْجَنَّةَ حَتَّى تَرَاحَمُوا

Espalhem a paz entre vocês. Por Aquele em cuja mão está minha alma, você não entrará no Paraíso até que seja misericordioso com os outros.

Eles disseram: “Ó Mensageiro de Allah, todos nós somos misericordiosos.” E o Profeta disse:

إِنَّهُ لَيْسَ بِرَحْمَةِ أَحَدِكُمْ خَاصَّتَهُ وَلَكِنْ رَحْمَةُ الْعَامَّةِ

Na verdade, não é apenas misericórdia entre vocês, mas misericórdia em geral.

Fonte: Al Sunan al Kubra lil Nasaʼi – 5760

Recomendado para você:  Imâm Ja’far al-Sâdiq sobre al-Futuwwa (cavalheirismo)

Não apenas devemos ser misericordiosos com os seres humanos, mas também precisamos ser misericordiosos com os animais. Todas as criaturas de Allah têm direitos no Islam, humanos e animais, por isso é dever dos muçulmanos defender e proteger seus direitos naturais.

Abu Huraira relatou: O Mensageiro de Allah, ﷺ, disse:

بَيْنَمَا رَجُلٌ يَمْشِي بِطَرِيقٍ اشْتَدَّ عَلَيْهِ الْعَطَشُ فَوَجَدَ بِئْرًا فَنَزَلَ فِيهَا فَشَرِبَ ثُمَّ خَرَجَ فَإِذَا كَلْبٌ يَلْهَثُ يَأْكُلُ الثَّرَى مِنْ الْعَطَشِ فَقَالَ الرَّجُلُ لَقَدْ بَلَغَ هَذَا الْكَلْبَ مِنْ الْعَطَشِ مِثْلُ الَّذِي كَانَ بَلَغَ مِنِّي فَنَزَلَ الْبِئْرَ فَمَلَأَ خُفَّهُ مَاءً ثُمَّ أَمْسَكَهُ بِفِيهِ حَتَّى رَقِيَ فَسَقَى الْكَلْبَ فَشَكَرَ اللَّهُ لَهُ فَغَفَرَ لَهُ

Certa vez, um homem sofria de sede enquanto caminhava em uma jornada. Quando ele encontrou um poço, ele desceu e bebeu. Então ele saiu e viu um cachorro com a língua pendurada de sede e lambendo o chão. O homem disse: esse cachorro sofreu sede, assim como eu. Então ele desceu no poço, encheu o sapato com água e o segurou com a boca enquanto subia; então ele deu de beber ao cachorro. Allah apreciou esta ação e então Ele o perdoou.

Disseram: “Ó Mensageiro de Allah, existe uma recompensa pela caridade, mesmo para os animais?” Ele disse:

فِي كُلِّ كَبِدٍ رَطْبَةٍ أَجْرٌ

Em todo ser vivo, há uma recompensa pela caridade.

Fonte: Sahih al Bukhari – 5663

Qurra ibn Iyas relatou: Um homem disse: “Ó Mensageiro de Allah, eu teria abatido uma ovelha, mas tive piedade dela.” O Mensageiro de Allah, ﷺ, disse:

وَالشَّاةُ إِنْ رَحِمْتَهَا رَحِمَكَ اللَّهُ مَرَّتَيْنِ‏

Se você teve misericórdia das ovelhas, Allah terá misericórdia de você duas vezes.

Fonte: Al Adab al Mufrad – 368

A única maneira de garantirmos misericórdia para nós mesmos no dia do julgamento é ser misericordioso com a criação. Allah não é misericordioso no além para aqueles que não são misericordiosos com as pessoas e suas criaturas.

Abu Huraira relatou: Um homem viu o Profeta beijando seu neto Hasan e disse: “Tenho dez filhos e não beijo nenhum deles”. O Mensageiro de Allah, ﷺ, disse:

إِنَّهُ مَنْ لَا يَرْحَمْ لَا يُرْحَمْ

Em verdade, quem não mostrar misericórdia não receberá misericórdia.

Fonte: Sahih al Bukhari – 5651

Jarir ibn Abdullah relatou: O Mensageiro de Allah, ﷺ, disse:

لَا يَرْحَمُ اللَّهُ مَنْ لَا يَرْحَمُ النَّاسَ

Allah não será misericordioso com aqueles que não são misericordiosos com o povo.

Fonte: Sahih al Bukhari – 6941

Recomendado para você:  Aqidah al-Tahawiyyah - Resumo da Teologia Islâmica Sunita

Osama ibn Zaid relatou: O Mensageiro de Allah, ﷺ, disse:

وَإِنَّمَا يَرْحَمُ اللَّهُ مِنْ عِبَادِهِ الرُّحَمَاءَ

Na verdade, Allah é misericordioso apenas com os servos que são misericordiosos.

Fonte: Sahih al Bukhari – 1224

Abu Hisham, رحمة الله عليه, disse:

بَلَغَنِي أَنَّهُ مَكْتُوبٌ فِي التَّوْرَاةِ كَمَا تَرْحَمُونَ تُرْحَمُونَ

Chegou-me que está escrito na Torá: Ao mostrar misericórdia, você receberá misericórdia.

Fonte: Musannaf Ibn Abi Shaybah – 24780

Portanto, sendo misericordiosos com os outros, não nos beneficiamos apenas neste mundo, mas também nos beneficiamos no além.

O Profeta aplicou os ensinamentos da misericórdia divina ao longo de toda a sua vida, inclusive a seus inimigos e opressores. Em uma ocasião, os companheiros pediram ao Profeta que orasse contra seus inimigos que os perseguiam há anos, até levantando um exército contra eles e matando seus inocentes. Mesmo assim, o Profeta se recusou a orar contra seus inimigos, pois isso iria contra a mensagem de misericórdia.

Abu Huraira relatou: O Profeta foi informado: “Ó Mensageiro de Allah, ore contra os idólatras!” O Mensageiro de Allah, ﷺ, disse:

إِنِّي لَمْ أُبْعَثْ لَعَّانًا وَإِنَّمَا بُعِثْتُ رَحْمَةً

Na verdade, não fui enviado para invocar maldições, mas fui enviado apenas como misericórdia.

Fonte: Sahih Muslim – 2599

Talvez o exemplo mais famoso da misericórdia do Profeta tenha sido o perdão que ele mostrou a seus inimigos depois que ele finalmente teve poder sobre eles. A aristocracia tribal Coraixita perseguiu os muçulmanos por quase 23 anos, apenas porque eles escolheram adorar Allah em vez dos ídolos. Eles zombaram dos muçulmanos, os ameaçaram, torturaram, puniram com um boicote econômico e até levantaram armas contra eles depois que fugiram para Medina. Eles mataram Hamza, o tio do Profeta, mutilaram seu cadáver e mataram injustificadamente muitos outros muçulmanos.

Apesar de tudo isso, o Profeta foi capaz de conquistar os corações e as mentes dos árabes e ele finalmente ganhou poder sobre a Tribo Quraish, quando a cidade de Meca se rendeu. Em vez de se vingar, o Profeta perdoou seus inimigos e declarou que era um dia de misericórdia.

Al Qasim ibn Salim relatou: Quando chegaram à Ka’bah, estavam segurando a porta e o Profeta, ﷺ, disse:

مَا تَقُولُونَ وَمَا تَظُنُّونَ

O que você disse? O que você acha?

Eles disseram três vezes: “Dizemos que você é filho de nosso irmão.” O Profeta disse:

أَقُولُ كَمَا قَالَ يُوسُفُ لَا تَثْرِيبَ عَلَيْكُمُ الْيَوْمَ يَغْفِرُ اللَّهُ لَكُمْ وَهُوَ أَرْحَمُ الرَّاحِمِينَ

Digo a você como Yussuf (José do Egito), عليه السلام, disse a seus irmãos: Hoje não há culpa em você. Allah o perdoará, pois ele é O Misericordioso dos misericordiosos. (12:92)

Recomendado para você:  As provas do Alcorão e da Sunnah autêntica sobre o Tawassul (intercessão)

Fonte: Sunan al Kubra – 17714

Ibn Asakir relatou: Quando Saad passou por Abu Sufyan com a bandeira do Profeta no dia em que Meca foi libertada, ele anunciou: “Ó Abu Sufyan! Hoje é um dia de matança! Hoje, o ilícito será lícito! Hoje Allah desonra os Quraish! ”Então o Mensageiro de Allah, ﷺ:

يَا أَبَا سُفْيَانَ الْيَوْمَ يَوْمُ الْمَرْحَمَةِ الْيَوْمَ أَعَزَّ اللَّهُ فِيهِ قُرَيْشًا

Ó Abu Sufyan, hoje é um dia de misericórdia. Hoje Allah honrará os Quraish.

Fonte: Tarikh Dimashq – 23282

Al Mawardi escreve:

فَجَعْلَهُ يَوْمَ مَرْحَمَةٍ وَأَنْكَرَ أَنْ يَكُونَ يَوْمَ مَلْحَمَةٍ فَدَلَّ عَلَى الصُّلْحِ دُونَ الْعَنْوَةِ

O Profeta fez deste um dia de misericórdia e rejeitou que fosse um dia de matança. Isso mostra que houve reconciliação sem violência.

Fonte: Al Hawi al Kabir – 14/28

De fato, o Profeta foi perdoador e misericordioso porque Allah havia revelado a ele, assim como aos profetas antes dele, que entre as melhores pessoas  e mais honradas a Allah estão aquelas que perdoam e tratam os outros como gostariam de serem tratados.

Abu Huraira relatou: O Mensageiro de Allah, ﷺ, disse:

سَأَلَ مُوسَى رَبَّهُ وقَالَ فَأَيُّ عِبَادِكَ أَحْكُمُ قَالَ الَّذِي يَحْكُمُ لِلنَّاسِ كَمَا يَحْكُمُ لِنَفْسِهِ قَالَ فَأَيُّ عِبَادِكَ أَعَزُّ قَالَ الَّذِي إِِذَا قَدَرَ غَفَرَ

Mussa (Moisés), عليه السلام, disse: Quem é o melhor em julgamento de seus servos? Allah disse: Aqueles que julgam as pessoas como gostariam de serem julgados. Mussa disse: Quem são os mais honrados de seus servos? Allah disse: Aqueles que perdoam quando têm poder sobre os outros.

Fonte: Sahih Ibn Hibban – 6352

Em suma, a misericórdia é um atributo definidor essencial dos muçulmanos justos e os distingue de outros grupos religiosos. Aqueles que deixam de ser misericordiosos com os outros estão entre os desorientados que abandonaram os ensinamentos da verdadeira religião e seus valores divinos.

Ibn Taymiyyah escreve:

وَأَهْلُ السُّنَّةِ وَالْجَمَاعَةِ يَتَّبِعُونَ الْكِتَابَ وَالسُّنَّةَ وَيُطِيعُونَ اللَّهَ وَرَسُولَهُ فَيَتَّبِعُونَ الْحَقَّ وَيَرْحَمُونَ الْخَلْقَ

As pessoas da Sunnah e da comunidade muçulmana seguem o Livro e a Sunnah e obedecem a Allah e seu Mensageiro e seguem a verdade. Eles têm piedade da criação.

Fonte: Majmu’ al Fatawa – 01/278

Assim, devemos fazer o possível para sermos misericordiosos com toda a criação, com muçulmanos e não muçulmanos, com nossas famílias e parentes, com amigos e estranhos, com humanos e animais, e até com nossos inimigos mais amargos.

O sucesso vem de Allah, e Allah sabe melhor.

Fonte: https://abuaminaelias.com/islam-mercy-to-the-worlds/?fbclid=IwAR2kL-oYTL9QdZFByZroCRjb24ZEXTOCcCpj9i3QRxvmj6JvMY8JruPUSsg

Sobre A Redação

A Equipe de Redação do Iqara Islam é multidisciplinar e composta por profissionais da área de Marketing, Ilustração/Design, História, Administração, Gestão de Recursos Humanos, Tradutores Especializados (Árabe e Inglês) e especialistas na Religião Islâmica. Atualmente a equipe é composta por 10 profissionais.