Página Inicial » Mundo Islâmico » Mesquita na Turquia expõe roupa do Profeta Muhammad no Ramadan

Mesquita na Turquia expõe roupa do Profeta Muhammad no Ramadan

Owais Qarni era um contemporâneo do Profeta Muhammad que foi presenteado com a roupa. Há 59 gerações seus descendentes preservam esta peça histórica.
  • Certa vez, o Profeta Muhammad se encantou com a história de um homem que não conseguiu lhe visitar porque precisou cuidar de sua mãe que estava doente.
  • O homem era Owais Qarni, que ficou conhecido por ser um companheiro do Profeta que nunca o viu pessoalmente.
  • A família de Owais cuida da peça há 59 gerações e, atualmente, ela fica exposta em uma mesquita em Istambul durante o Ramadan.
  • A peça costuma receber uma média de visitantes maior do que a de alguns museus da Turquia.

A princípio, uma mesquita em Istambul pode não parecer grande coisa, afinal o Islam é a religião mais praticada na maior cidade da Turquia. No entanto, uma cidade com tanta história costuma guardar detalhes importantes em diversos locais. Em um templo específico, conhecido como Hirka i Sharif, está guardada uma peça de inestimável valor histórico e profundo significado religioso. 

No local, há uma roupa do século VII que teria pertencido ao Profeta Muhammad, a personalidade máxima do Islam. O item atrai milhares de visitantes à mesquita Hirka i Sharif no mês do Ramadan, quando fica exposto para a visitação do público, fazendo com o que o local tenha mais atenção do que outros grandes museus de Istambul.

A história de como a roupa saiu da antiga Arábia e chegou até a Turquia nos dias atuais talvez seja o segundo detalhe mais interessante desta narrativa. Tudo isso se deve aos esforços de um contemporâneo do Profeta Muhammad e de seus descendentes para que a peça sobrevivesse ao tempo e aos conflitos que ocorreram ao longo de vários séculos.

O companheiro que não conheceu o Profeta

A história da roupa do Profeta começa com um homem iemenita chamado Owais Qarni. Ele havia decidido ir à cidade de Medina visitar o Mensageiro de Allah, mas precisou voltar para cuidar de sua mãe, que estava muito doente.

Quando o Profeta soube da história de um homem que não o encontrou por sua dedicação à mãe, ele pediu aos seus companheiros Ali e Omar para que fossem até ele e lhe entregassem sua roupa.

Embora este encontro nunca tenha ocorrido fisicamente, muitas pessoas afirmam que o Profeta se encontrou com Owais espiritualmente, o que exaltou o iemenita em várias tradições espirituais do Islam (sufismo). A roupa, no entanto, trouxe fama e visitantes ao presenteado, que nunca gostou de ser tão notado.

Owais Qarni lutou ao lado do Califa Ali contra as forças de Muawiya na batalha de Siffin, na Síria, e morreu em combate no ano de 657.

Preservação da roupa ao longo dos séculos 

A roupa do Profeta foi preservada pelos descendentes de Qarni, no Iraque, até o século VIII, quando eles se mudaram para a Turquia, na cidade de Kusadasi. Séculos mais tarde, em 1611, o sultão Ahmet I quis obter a importante vestimenta, mas seus conselheiros e clérigos não recomendaram que ele o fizesse, pois desagradaria uma vontade do Mensageiro de Allah.

Diante disso, o sultão convidou os descendentes de Qarni para se mudarem para Istambul. Ali, começou a tradição de a família permitir que os visitantes vissem a roupa do Profeta durante os meses de Ramadan. No entanto, com o passar do tempo, o público aumentou muito e o custo e a gerência se tornaram insustentáveis para os proprietários da peça histórica.

No século XVIII, o sultão Abdulhamid I ordenou a construção de um prédio para receber os visitantes, mas logo a estrutura passou a não comportar mais tantas pessoas. Assim, em 1851, o sultão Abdulmecid ordenou a construção da mesquita Hirka i Sharif, que abriga a roupa desde então.

A família protetora possui um espaço único no complexo da mesquita e até hoje eles são responsáveis por guardar este meio de conexão com o Profeta Muhammad. A descendência de Qarni está na 59ª geração e tem conhecimento completo de sua genealogia.

A mesquita Hirka i Sharif

(Foto: TRT World)

Hirka i Sharif é um prédio octogonal que está localizado no distrito de Fatih, em Istambul. O espaço dedicado à visitação da roupa do Profeta Muhammad fica separado do local de oração e, durante o Ramadan, o templo recebe até 20 mil visitantes em um único dia.

Com informações de TRT World

Links para Leitura

Sobre a Redação

A Equipe de Redação do Iqara Islam é multidisciplinar e composta por profissionais da área de Marketing, Ilustração/Design, História, Administração, Gestão de Recursos Humanos, Tradutores Especializados (Árabe e Inglês) e especialistas na Religião Islâmica. Atualmente a equipe é composta por 10 profissionais.