Página Inicial » História Islâmica » 10 invenções islâmicas que mudaram o mundo
10 invenções islâmicas que mudaram o mundo

10 invenções islâmicas que mudaram o mundo

Pense em uma das bebidas mais consumidas no mundo e logo a Europa e seus cafés vêm à mente. Porém, o café e muitas outras coisas tão comuns em nosso mundo moderno tem origem em uma das civilizações mais brilhantes do mundo: a civilização islâmica. Junto ao café podemos acrescentar a primeira universidade sem a qual os números arábicos usados hoje não teriam chegado ao Ocidente. Entre estes e muitos exemplos, selecionamos alguns para mostrar as influências em nossas vidas das invenções islâmicas.

1 – Cirurgia

Por volta do ano 1000, o célebre médico muçulmano Al-Zahrawi publicou uma enciclopédia ilustrada de 1.500 páginas sobre procedimentos cirurgicos, que seriam usados na Europa como uma referência médica para os próximos 500 anos. Entre suas muitas invenções, Zahrawi descobriu o uso de intestinos gato para suturar feridas. Ele também se apresentou em seus escritos como o realizador da primeira operação cesariana e criou o primeiro par de fórceps.

2 – Café

O café foi fabricado pela primeira vez no Iêmen por volta do século nono. Em seus primeiros dias de uso, o café era ingerido por misticos muçulmanos (sufis) para auxiliar como estimulante nas longas noites de oração. Mais tarde foi trazido para o Cairo por um grupo de estudantes, daí em diante a bebida se espalhou pelo mundo muçulmano. Até no século 13 que atingiu o Império Otomano, porém demorou até o século 16 para que fosse consumido na Europa, trazido para a Itália por um comerciante veneziano.

3 – Máquina de vôo

Abbas ibn Firnas foi a primeira pessoa a fazer uma tentativa real de construir uma máquina voadora e voar. No século 9, ele projetou um aparelho voador, mais ou menos parecido com uma asa delta. Em seu feito mais famoso em Córdoba, na antiga al-Andalus, Firnas voou por alguns momentos, antes de cair no chão e lesionar parcialmente suas costas. Seus projetos sem dúvida teria sido uma inspiração para o famoso artista e inventor italiano Leonardo da Vinci anos mais tarde.

Recomendado para você:  Imam Al Bukhari e a Ciência dos Hadiths

4 – Universidade

Em 859 uma jovem muçulmana abastada chamada Fatima al-Firhi fundou a primeira universidade com grau de concessão em Fez, Marrocos. Sua irmã Miriam fundou uma mesquita adjacente e juntos o complexo tornou-se a Mesquita e Universidade al-Qarawiyyin. Ainda em funcionamento quase 1.200 anos mais tarde. O Papa Silvestre II, que viria a introduzir as idéias islâmicas da matemática bem como os números indo-arábicos que utilizamos hoje para a Europa medieval mudando para sempre o mundo que conhecemos foi um aluno da al-Qarawiyyin. Outro notável que estudou na Instituição de Fatima foi Maimônides, famoso filósofo e médico judeu.

5 – Álgebra

A palavra álgebra vem do título do famoso tratado do século 9 conhecido como “Kitab al-Jabr Wa l-Mugabala”, que pode ser traduzido como “O Livro de Raciocínio e Balanceamento”, de autoria do matématico muçulmano persa Al-Khwarizmi. Construído sobre as raízes de sistemas gregos e indianos, a nova ordem algébrica foi um sistema unificador para números racionais, números irracionais e magnitudes geométricas. O mesmo matemático, Al-Khwarizmi, também foi o primeiro a introduzir o conceito de elevar um número à uma potência.

6 – Ótica

Muitos dos avanços mais importantes no estudo da ótica vêm do mundo muçulmano. Por volta do ano 1000, Ibn al-Haitham provou que os seres humanos veem objetos de luz que refletem de fora de seus olhos adentrando nele, refutando as teorias de Euclides e Ptolomeu de que a luz era produzida pelo próprio olho. Este grande físico muçulmano também descobriu o fenômeno da câmera obscura, que explica como o olho vê as imagens na vertical, devido à ligação entre o nervo ótico e o cérebro.

7 – Música

Músicos muçulmanos tiveram um impacto profundo na Europa, que remonta a competição de Carlos Magno com a música de Bagdá e Córdoba. Entre muitos instrumentos que chegaram na Europa através do Oriente Médio estão o alaúde e a rabeca, um antepassado do violino. Escalas musicais modernas derivam do alfabeto árabe.

Recomendado para você:  6 importantes conversões ao Islam

8 – Escova de Dentes

O Profeta Muhammad popularizou o uso da primeira escova de dentes em torno dos anos 600. Usando um galho da árvore Meswak, ele limpou os dentes e refrescou o hálito, exemplo que seria seguido e espalhado pelos muçulmanos ao redor do mundo. As substâncias semelhantes às do Meswak são utilizadas no creme dental moderno.

9 – Manivela

Muitos dos conceitos básicos de automação modernos foram primeiro colocados em uso no mundo muçulmano, incluindo o revolucionário sistema de haste conectado por manivela. Ao converter o movimento rotativo em movimento linear, a manivela permite o levantamento de objetos pesados com relativa facilidade. Esta tecnologia, descoberta por Al-Jazari no século 12, se expandiu para todo o mundo, afetando desde a bicicleta ao motor de combustão interna.

10 – Hospitais

Os hospitais como os conhecemos hoje, com enfermarias e centros de ensino, vem desde o século 9 no Egito. O primeiro centro médico foi o hospital de Ahmad ibn Tulun, fundado em 872 no Cairo. Esta instituição prestava atendimento gratuito para quem precisava dele – uma política baseada na tradição muçulmana de cuidar de todos os que estão doentes e não podem pagar. Do Cairo, esses hospitais se espalharam por todo o mundo muçulmano e seriam copiados pelos europeus nos séculos seguintes.

Fonte: http://edition.cnn.com/2015/07/22/world/muslim-inventions/index.html

Sobre Iqara Islam

O Iqara Islam é uma página dedicada a apresentação do Islam Tradicional para muçulmanos e não-muçulmanos que buscam informação e conhecimento de qualidade sobre vários aspectos da religião islâmica, tais como: espiritualidade, jurisprudência, história e cultura. Sendo uma iniciativa independente, não visamos fins lucrativos. Somos totalmente contra a violência injustificada, terrorismo e ditaduras de qualquer natureza.